Google+ Followers

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

AMARYLLIS CASA DE REPOUSO - 08/10/2012 26 kITS MANTAS , GORROS E CACHECÓIS



Amaryllis Casa de Repouso
Rua das Perobas 405
Em frente Hospital Nossa Senhora de Lourdes
São Paulo- São Paulo
cep 04321-120
fone 11- 5011.1465
Contato- Ana Paula ( proprietária ) ou Vanessa

Eu , Regina Kovacs e Marta Filomena, representamos nossa Família Tricoteiras solidárias em mais uma entrega de amor e carinho. Levamos  pontos unidos com amor, que irão aquecer a mais  13 avózinhas e 3 avôzinhos, toda vez que usarem sentirão uma energia muito boa.
Passei nesta rua diversas vezes e nem mesmo sabia que lá tinha um lar para Idosos, apesar de ser um Lar particular tem algumas deficiências visíveis. Fiquei feliz pela indicação que nos foi dada através da Regina
Kovacs e Janaina do CEO Jabaquara

Carinho logo que chegamos, 3 idosos com a saúde melhor estavam ao Sol


E na maioria nos leitos


Colocamos com carinho ao lado de seus leitos, um bocadinho dos nossos pontos unidos com amor

Foto do alto da escada prédio vizinho

esta cena abaixo, me comoveu, esta senhorinha segurava a Martinha enquanto conversavam..

Agradecemos a todo apoio que temos

Bjuss no coração

Só mais um bocadinho de seu carinho...

Um minutinho só...vejam esta linda mensagem, hoje após tudo que vimos, mais e mais pensa nela

Carta de um Idoso

Se meu andar é hesitante e minhas mãos trêmulas, ampare-me. 


Se minha audição não é boa e tenho de me esforçar para ouvir o que você está dizendo, procure entender-me. 

Se a minha visão é imperfeita e o meu entendimento é escasso, ajude-me com paciência. 

Se as minhas mãos tremem e derrubam comida na mesa ou no chão, por favor, não se irrite,tentei fazer o melhor que pude. 

Se você me encontrar na rua,não faça de conta que não me viu ,pare para conversar comigo, sinto-me tão só. 

Se você na sua sensibilidade me vê triste e só, simplesmente partilhe um sorriso e seja solidário. 

Se lhe contei pela terceira vez a mesma história, num só dia não me repreenda, simplesmente ouça. 

Se me comporto como uma criança cerque-me de carinho. 

Se estou com medo da morte e tento negá-la,ajude-me na preparação do adeus. 

Se estou doente e sou um peso na sua vida,não me abandone pois um dia terá a minha idade. 

A única coisa que desejo neste meu final de jornada, é um pouco de respeito e de amor... 

(Autor Desconhecido)

Nenhum comentário:

Postar um comentário